By Elaine Averbuch Neves

Sou como você me vê. Posso ser leve como uma brisa ou forte como uma ventania. Depende de quando e como você me vê passar.

– Clarice Lispector -

quinta-feira, 27 de outubro de 2011

Fácil e difícil...

Hoje iniciaremos nossa postagem nas palavras profundas e sábias  de Fernando Pessoa:

Fácil e Difícil

"É fácil trocar as palavras,
Difícil é interpretar os silêncios!
É fácil caminhar lado a lado,
Difícil é saber como se encontrar!
É fácil beijar o rosto,
Difícil é chegar ao coração!
É fácil apertar as mãos,
Difícil é reter o calor!
É fácil sentir o amor,
Difícil é conter sua torrente!
Como é por dentro outra pessoa?
Quem é que o saberá sonhar?
A alma de outrem é outro universo
Com que não há comunicação possível,
Com que não há verdadeiro entendimento.
Nada sabemos da alma
Senão da nossa;
As dos outros são olhares,
São gestos, são palavras,
Com a suposição
De qualquer semelhança no fundo."

Bem, depois de inebriar nossa alma com Fernando Pessoa, vou contar a vocês como nasceu meu “Bloguinho”.....No dia 07/08/2011, ainda em recuperação de um infarto que sofri em 25/07/2011, estava navegando, quando vi um pequeno “anunciozinho” que dizia: “Crie seu blog! É Grátis!”, me chamou atenção. Nem sei explicar bem o porque.... Sabe aquelas coisas meio loucas que acontecem, como se o anúncio tivesse me chamado (rsrsrsrs)....

 Eu nem sabia direito o que vinha a ser um blog, só sei que, de repente, me vi toda empolgada (hehehehe) e criando meu “filhote”, porque é assim que eu o chamo íntima e carinhosamente.... Nem sabia direito sobre o que poderia escrever (olhem meus 1ºs posts), mas foi saindo, aos poucos; comentei sobre problemas que presenciei/vivi e me senti muito bem; mas ainda não era exatamente isto que eu estava procurando.... Daí comecei a me preocupar em vestir meu “filhote”, afinal meu Blog estava “pelado” (hihihihihi)! 

 Gente! Quebrei muito a cabeça, afinal, meus conhecimentos de informática nunca foram muito além de fazer algum que outro download de filme, seriado e, é claro, uns joguinhos pra PC, que eu adoro (kkkkkk)! Me senti uma perfeita desbravadora das florestas informatizadas!!! E foram tantas descobertas (hihihi)!! Tenho orgulho de todas, afinal quebrei a cabeça em várias “liquidações”, até achar a roupa certinha pra vestir meu “filhote” (hehehe) e fiz tudo sozinha..... 

 Pesquisando aqui e ali, e muitas coisas descobri em outros blogs, daí fui atrás pra ver como conseguia e, até o momento, meu Bloguinho está com cara de eterna “festa”, vocês não acham, não? Adoro meu Blog bem alegre  e colorido, mas dei o “braço-a-torcer” pra umas cutucadas do exmº senhor meu marido (rsrsrsrs), que não deixa de ter razão, tava realmente meio “demoradinho” pra carregar.... Daí diminuí algumas “coisinhas” e acho que ficou bem melhor! 

 E durante toda essa “arrumação” pensava muito sobre o que escreveria, quando, durante uma navegada, entrei numa página que falava sobre uma determinada data e a homenageava com algumas frases. Aí aconteceu e nem sei porque.... Procurei calendários atualizados de todas as datas comemorativas, nacionais e internacionais.... E acho sensacional, gente, através deste espaço virtual, posso pesquisar e contar e/ou comentar  sobre pessoas, suas contribuições e importância, por vezes de tamanha relevância que ganharam até um dia só seu para que possam ser lembradas e festejadas, as datas comemorativas, a maioria delas são lembradas já há séculos, algumas até há milênios?!?...

 Algumas são para lembrar, celebrar, outras para refletir, meditar,tomada de consciência....As considero importantes, senão não as colocaria em meu Blog; são como as tradições, senão as lembrarmos ou comemorarmos, irão, aos poucos, caindo no esquecimento, e as gerações irão se sucedendo em nossas vidas sem nem ao menos terem ouvido falar de muitas festividades....
Como é o caso  da Semana da Pátria, que hoje em dia, na verdade, nem é mais a semana e sim o feriado de 7 de setembro (um dia!).
Lembro que, quando era adolescente, em minha escola se ensaiava
“meses” para o desfile de 7 de setembro....

 Além das datas, há os  lugares de grandes acontecimentos, de um passado remoto ou mais recente..... Mas não é só isso.... Resolvi não me ater apenas a um determinado assunto. Hoje, por exemplo, não tenho conhecimento de nenhuma data comemorativa, então resolvi contar a vocês como meu Blog nasceu....E gosto de me sentir livre para conversar com vocês sobre qualquer coisa! “De tudo um pouco (hihihi)! De dentro pra fora!” 

 E continuando a nossa conversa, ao contrário do que muitos podem pensar, a escolha das datas que comemoram certos eventos não é aleatória e muito menos ocorre por decisão ou convenção popular. Feriados e dias dedicados à homenagem de profissionais, por exemplo, necessitam de aprovação por lei nacional, municipal ou estadual para se tornarem oficiais.  Normalmente, as datas comemorativas são instituídas pela tradição popular, pelo nascimento ou morte de alguma pessoa marcante a ser lembrada no calendário, por ser o dia de um santo padroeiro da causa a ser homenageada, ou ainda por lei (sendo que esta última, muitas vezes, somente surge para oficializar aquilo que já é tradição para um determinado grupo de pessoas e, no Brasil, de acordo com a Lei Nº 12.345 de 9/12/2010, o estabelecimento de uma comemoração deve ter alta significação para os diferentes segmentos profissionais, políticos, religiosos, culturais e/ou étnicos que compõem a sociedade onde a comemoração será instituída, importância essa que terá de ser comprovada por meio de consultas e audiências públicas, devidamente documentadas, realizadas junto a organizações e associações legalmente reconhecidas e que estejam vinculadas aos segmentos interessados).

 Ufa!! Até cansei.... Mas adorei nossa conversa (hehehehe)! Mas valeu a pena, não é mesmo? Agora meu “filhote” tem a sua história registrada e a data de seu aniversário divulgada (07/08/2011)! Tô tão feliz de compartilhar tudo isso com vocês, ai ai ai ai.....
Elaine Averbuch Neves


 Afinal, é preciso paciência para uma conversa meio “longuinha” que nem a nossa....
 
Lembrem-se, as mudanças acontecem “De dentro pra fora!”











2 comentários:

Renata Guidinha disse...

Ô Elaine, eu ia acabar chegando nessa postagem. Sou esquisita mesmo. Não sou de ler apenas o post do dia em que faço a visita. Blog pra mim é como livro. Se o autor escreveu é pra ser lido (tudinho, tudinho). Muitos nem ligam pra postagens antigas,porém como conhecer realmente um blog e seu dono quando se chega após algum tempo de sua criação, né? Bom,mas seguindo sua indicação estou aqui lendo essa postagem (não se engane, ainda chego a todas as anteriores). Amei o seu relato. E concordo plenamente com o seu marido, o blog agora está carregando mais rápido e facilita a sua leitura.
Eu tbém criei a "cerca" sozinha. O Meu blog tbém é coisa que entrou pra minha vida esse ano. Decidi que faria algo diferente em 2011 e plantei a cerca em 28 de janeiro (data muito especial em minha vida). Fui aprendenedo mil detalhes com a Elaine (Um pouco de mim), só que um dia resolvi mudar as coisas e a preguiça bateu. Achei mais cômodo pedir ajuda,kkkkkk (não me arrependo já que a Elaine captou o que eu queria).
Fico feliz de ser sua seguidora e poder participar desse seu conhecer de dentro pra fora.Identifico-me com um montão de coisas que leio aqui e é bom sentir perto alguém que se faz presente mesmo estando distante de mim.
Agradeço a Deus as pessoas especiais que Ele tem colocado em minha vida a partir do meu momento blogueira. Vc é uma delas.
Bjks no coração
Renata

ELAINE disse...

Muito obrigada, Re, pelas tuas palavras lindas... Fiquei muito feliz (hihihi)! O blog se tornou muito importante pra mim também... Ele está, de certa forma, preenchendo alguma lacuna que eu nem sabia que estava vazia em mim...Só sei que está me fazendo um bem enorme! Venha me visitar mais vezes! Ficarei muito feliz!
"O sentimento não conhece distância, porque o coração não tem fronteiras." -Elaine-
Bjo!
Elaine